Quarta-feira, 5 de Dezembro de 2007

C-Catus – uma visão actual e contemporânea do automóvel essencial

A Citroën apresentou em estreia mundial do Salão no Automóvel de Frankfurt o concept car C-Catus.

Esta é uma visão do automóvel centrada nos valores contemporâneos essenciais, sendo uma aposta arrojada, ao propor um automóvel ecológico com um estilo atraente e jovial, equipado com tecnologia híbrida Hdi e proposto ao preço competitivo de um C4 de entrada de gama.

Citroën C-Catus


A Citroën explora neste concept car novos conceitos, optando por um lado por abdicar de equipamentos supérfluos ao bem estar dos ocupantes e por outro valoriza a tecnologia, o estilo e os equipamentos ecológicos, actualmente muito valorizados.

 
O C-Catus é um citadino por excelência, mas muito amigo do ambiente por convicção. Grande parte dos materiais utilizados são reciclados ou recicláveis e como a espécie vegetal invocada pelo seu nome – Catus – consome pouco.

Esta escolha criteriosa de materiais, assim como uma redução do número total de componentes permitem uma contenção de custos que se traduz num preço final muito competitivo e praticável, aos níveis actuais para uma berlina do mesmo segmento.

Mas não se pense que tanta optimização e racionalização em termos de concepção varia descurar o desenho e imagem exterior. As suas linhas são atraentes, criando uma cumplicidade com quem o observa e um dinamismo contagiante.

O C-Catus é um exemplo de que “economia” e “ecologia” podem rimar e conviver juntas num automóvel atraente em todos os aspectos.

Do comunicado de imprensa da Citroën destaco:
“Fruto de uma racionalização audaciosa das peças e materiais utilizados, o C-Cactus é um veículo essencial que encarna uma nova visão do automóvel centrada em:
- um novo equilíbrio das prioridades e uma concepção em que a procura pelo essencial não leva à renuncia,
- um design em que ecologia e economia não rimam com banalidade, mas, pelo contrário, com expressividade e prazer.

Com este conceito atraente com estilo deslocado e unido, a Citroën propõe assim uma nova visão do veículo económico e ecológico que se assume perfeitamente pela sua originalidade e pela sua vertente engenhosa ao mesmo tempo que oferece aos ocupantes um conjunto de prestações essenciais ao seu bem estar. “


Interior do Citroën C Catus



O fim da chave de ignição como a conhecemos
A “chave de ignição” do C-Cactus é um leitor de MP3 portátil, com ecrã táctil, que se encaixa no centro fixo do volante e é reconhecido pelo veículo.

Características Técnicas
- Dimensões
Comprimento: 4 200 mm / Largura: 1 800 mm / Altura: 1 490 mm
Distância entre eixos: 2 800 mm
Peso bruto total: 1 306 kg (incluindo baterias)

- Performance e consumos
Velocidade máxima: 150 km/h
Consumo misto: 3,4 l/100 km
Emissões de CO2: 78 g/km

- Motorização
Motor Diesel HDi de 70 cv com FAP e CVA de 5 velocidades
Motor eléctrico de 30 cv instalado na caixa da embraiagem
Modo ZEV

- Aerodinâmica
Cx: 0,35 / SCx: 0,8 m2

- Ligação ao solo
Plataforma C4

- Principais equipamentos
Sistema de navegação com ecrã táctil
Leitor de MP3 portátil com ecrã táctil que cumpre função de chave de ignição
Climatização automática
Sistema áudio topo de gama Limitador/regulador de velocidade
Travão de mão eléctrico

Mais informações na página oficial da Citroën
Fotos Citroën

 
publicado por Nuno Rocha às 21:45
link do post | comentar | favorito
Related Posts with Thumbnails

Rede Paixão 2CV

Página | Blogue | 2CV Market


Crie o seu produto Citroën 2CV personalizado!

Citroen 2CV T-Shirts

posts com interesse

Novo Citroën 2CV – Dois Cavalos – Tudo o que já foi dito!

Já verificou se a matrícula do seu Citroën 2CV – Dois Cavalos foi cancelada?

posts recentes

Os clássicos são um bom i...

O regresso do guarda-chuv...

Boas Festas

Ganhe um de três Citroën ...

Entrevista a Luís Silva, ...

Citroën 2cv... Um project...

Água, um bem escasso como...

O Citroën 2CV - Dois Cava...

Este verão a família dive...

Já se passaram 20 anos!

pesquisar neste blogue

 

arquivos

blogs SAPO

Statcounter